FERNANDO TORDO CELEBRA 50 ANOS DA CANÇÃO 'TOURADA' COM CONCERTOS EM LISBOA E NO PORTO

[10-01-2023]

Músico atua no Teatro Tivoli BBVA e na Casa da Música, a 26 de fevereiro e a 11 de março, respetivamente




"Era uma vez 1973. Um país fechado e pobre, entristecido na perseguição e na censura, na guerra e no atraso ancestral. E uma noite, uma canção. 'Tourada'. 26 de Fevereiro de 1973. Foi uma vez, há 50 anos. Vamos celebrar?" (Fernando Tordo)


No início dos anos 70 do século passado Portugal era um país oprimido e em plena ditadura. A sociedade em geral e sobretudo as várias formas de arte viviam o período mais difícil da nossa história, por conta da opressão da censura. 


A 26 de Fevereiro de 1973, Fernando Tordo subia ao palco do Teatro Maria Matos, em Lisboa, para apresentar pela primeira vez ao vivo a canção 'Tourada'. Com música da sua autoria, letra do lendário Ary dos Santos e orquestração de Pedro Osório, o tema era um dos candidatos ao X Grande Prémio TV da Canção Portuguesa, hoje conhecido como Festival da Canção, que tinha como propósito eleger a música que iria representar Portugal na Eurovisão. A canção acabou por se sagrar vencedora do certame. Mas, na altura, letrista, orquestrador, compositor e intérprete estavam longe de imaginar a "revolução" que 'Tourada'  iria gerar e o marco cultural em que se iria transformar, algo que se mantém até aos dias de hoje, cinco décadas volvidas.  


Escrita no final de 1972, 'Tourada' tem uma letra bem mais profunda e necessária no Portugal de então, longe de ser uma "simples" canção de teor satírico/tauromáquico, mas cuja real mensagem a censura vigente na época não conseguiu entender. A canção passou incólume pelo chamado "lápis azul" e só depois da vitória no festival gerou polémica, após se perceber que era claramente uma metáfora, uma crítica acutilante ao regime político e social vigentes e ao snobismo e hipocrisia da sociedade, em que se comparava o ambiente da tourada à decrépita postura ditatorial do Estado Novo. 



Fernando Tordo no X Grande Prémio TV da Canção 1973, no Teatro Maria Matos, em Lisboa 

Foto: Carlos Gil  I  Fonte: Torre do Tombo


"Era 26 de Fevereiro de 1973. Estava escuro. No Maria Matos em Lisboa aparecia a 'Tourada'. Lá no fundo, acendia-se mais uma luzinha: estava quase", afirma Fernando Tordo. 


 Chegou a ser colocada a hipótese de não permitir que 'Tourada' nos representasse na Eurovisão, mas os receios das repercussões negativas que esta atitude teria internacionalmente falou mais alto e assim o poder político permitiu a participação de Fernando Tordo. A 7 de abril de 1973, no Luxemburgo, era realizado o 18º Festival Eurovisão da Canção, o músico cantaria a, agora, tão nossa 'Tourada' e de entre os restantes países europeus a concurso conquistou um honroso 10º lugar. 


É quase inacreditável mas, 50 anos volvidos, 'Tourada' permanece incólume como um marco cultural do nosso país e é tempo de celebrarmos esta mítica canção. A comemoração do meio século da música começará no dia 26 de fevereiro, precisamente a data em que celebrará as suas cinco décadas, com um espetáculo no Teatro Tivoli BBVA, em Lisboa, ao qual se seguirá uma atuação no dia 11 de Março, na Casa da Música, no Porto. Ambos os concertos começam pelas 21h00.


Os bilhetes já se encontram à venda na Ticketline e nos restantes locais habituais.


Recentes

[19-01-2023]

EDMUNDO INÁCIO É UM DOS AUTORES E INTÉRPRETES DO FESTIVAL DA CANÇÃO 2023

Cantor, compositor e performer participa no concurso com a canção 'A Festa', cuja melodia é da sua autoria, a letra foi...
[09-01-2023]

SUSANA FÉLIX REGRESSA AOS PALCOS COM CONCERTO SINFÓNICO

Cantora, compositora, produtora e atriz vai juntar-se a Bandas Filarmónicas de todo o país, durante o ano de 2023 para diversos...
[04-01-2023]

QUINTA DO BILL DÁ INÍCIO A 2023 COM CONCERTO ESGOTADO EM TORRES NOVAS

A Quinta do Bill vai começar 2023 da melhor maneira: em palco e com um concerto lotado! A maior banda de folk-rock portuguesa...

Subscreva a NOSSA NEWSLETTER

Ao clicar em subscrever aceito receber os comunicados de imprensa enviados pela Contos da Praça de acordo com os seus termos, condições e Política de Privacidade.